Flamengo abusa das bolas de três e atropela o Vitória em Salvador

O Flamengo deu show no Ginásio Poliesportivo de Cajazeiras na noite desta quinta-feira, em Salvador. A equipe carioca não tomou conhecimento dos donos da casa, que vinham de três triunfos consecutivos, e derrotou o Vitória pelo placar de 96 a 70. O cestinha da partida foi Marquinhos, que anotou 21 pontos. Destaque para o ótimo público na Bahia: os torcedores esgotaram os 2.090 ingressos colocados à disposição.

Para construir a vantagem de 26 pontos, o Flamengo castigou nas bolas de três. Marquinhos, com três, e Rafael Mineiro e Marcelo Machado, com duas cada, ajudaram o Rubro-Negro a fazer um total de 11 cestas de três, garantindo um aproveitamento de 45,8%. Pelo Vitória, destacou-se o armador Kojo, que anotou 17 pontos e foi o cestinha da equipe.

As bolas de longa distância foram o diferencial da equipe carioca no início da partida. Além das duas de Marquinhos, Rafael Mineiro e Rafa Luz também converteram as suas. Sete pontos atrás no marcador, o técnico do Vitória, Régios Marreli, fez uso do primeiro pedido de tempo. Surtiu efeito, pois a equipe, comandada pelo americano Kojo, diminuiu a diferença – Feliz e Renan acertaram belas cravadas. Só que o Flamengo voltou a impor um ritmo forte e fechou os primeiros 10 minutos com uma vantagem de nove pontos: 24 a 15

O Flamengo voltou do intervalo ainda mais arrasador. Foram quatro cestas de três pontos que alargaram a vantagem, que chegou a ser de 25 pontos. Rafael Mineiro, Marquinhos e Marcelo Machado, duas vezes, castigaram os donos da casa. Nem a bela enterrada de Nilson após bonita jogada de Jason Smith foi suficiente para devolver o ânimo inicial dos torcedores nas arquibancadas.

FICHA DO JOGO
VITÓRIA:
Titulares: Kojo (17), Jason Smith (3), Calvo (6), Feliz (5), Renan 11). Entraram: Nilson (10), Edu (8), William (2), Rafinha (5), Taddei (3), Diego (0), Tiago (0) e Jairo (0).
Técnico: Régis Marrelli.

FLAMENGO:
Titulares: Rafael Luz (6), Marquinhos (21), Mineiro (15), Robinson (5) e Meyinsse (5). Entraram: Marcelinho Machado (19), JP Batista (16), Gegê (6), Danielzinho (2), Mingau (2) e Jorge(3).
Técnico: José Neto.

Fonte: Globo Esporte