Willian Arão rejeita polêmica e diz: “Hoje sou Flamengo”

Domingo foi dia de Willian Arão vestir pela primeira vez uniforme vermelho e preto para jogar no Maracanã. Esta será a rotina do volante a partir do próximo dia 6, quando se apresenta ao Flamengo. O primeiro contato com a torcida rubro-negra aconteceu no Jogo das Estrelas, quando ganhou a bênção de Zico, maior ídolo da Gávea. Protagonista de uma transferência polêmica do Botafogo, o volante preferiu ficar fora de qualquer controvérsia ao comentar o assunto.

– Tiver que fazer uma escolha, e escolhi vir para cá. Venho recebendo um carinho grande na rua, tem sido positivo, e espero retribuir em campo. Não tenho mágoa de ninguém, hoje eu sou Flamengo – disse ele, que assinou contrato de três anos de duração.

Botafogo nos clássicos que virão pela frente. Em dezembro, o Alvinegro chegou a depositar duas vezes R$ 400 mil na conta do jogador, buscando uma renovação automática de contrato. Arão devolveu a quantia nas duas oportunidades.

– Não estou muito preocupado com isso. Fico grato pelo que fiz no ano. Foi maravilhoso, mas tenho que me preocupar com a torcida do Flamengo. Ela tem mostrado carinho por mim, e tenho que corresponder. É com isso que tenho que me preocupar. Quanto à parte jurídica, tenho advogados que cuidam disso para mim.

O novo volante do Flamengo acredita que Muricy Ramalho será importante para ajudá-lo neste início de trajetória no clube.

– É um treinador que por onde passou formou grandes jogadores. Eu estou em crescimento e tenho certeza de que ele vai me ensinar muitas coisas. Meu 2015 foi ótimo, mas espero que o ano que vem seja ainda melhor. Espero tirar o máximo de proveito do que o Muricy tem para contribuir.

Fonte: Globo Esporte