Com 548 de público, basquete do Flamengo rende mais do que o futebol; entenda

Na quarta-feria de Cinzas, hora de lembrar do futebol carioca. Na rodada que antecedeu o Carnaval, uma comparação chama a atenção. Os resultados financeiros do futebol e do basquete rubro-negros.

O jogo entre Flamengo e Macaé teve 3.926 pagantes, enquanto o basquete rubro-negro levou 548 pessoas à quadra para o jogo contra o Paulistano.

Só que na partida de basquete, caíram no cofre do Flamengo R$ 9.625,00 (R$ 9.143,75 líquidos). Já depois da vitória sobre o Macaé com quase 7 vezes mais público, o rubro-negro embolsou apenas R$ 8.429,88. O Macaé, mandante, levou mais: R$ 11.694,03.

Precisa dizer quem embolsou a maior fatia? A Federação do Rio (Ferj), com R$ 14.397,00.

Na mesma rodada, os dados do Fluminense também atravessam o samba. Na vitória por 4 a 0 sobre o Bonsucesso, o time levou 11 pessoas a menos a Volta Redonda (537) do que o basquete rubro-negro ao ginásio do Tijuca.

Hora de se investir no basquete das Laranjeiras.

Fonte: ESPN