Márcio Araújo alivia derrota: “Uma competição a menos”

A eliminação do Flamengo na Primeira Liga não foi tão lamentada assim pelos jogadores. Extremamente desgastados com a disputa de três competições de forma simultânea e 14 viagens nos 15 jogos disputados até agora, a derrota para o Atlético-PR, na noite desta quarta-feira, em Juiz de Fora (MG), teve até seus pontos positivos, segundo o volante Márcio Araújo, que foi titular na partida, já que Cuéllar foi convocado para a Colômbia.

– Fizeram o gol em uma bola chutada de fora da área. Não produzimos o que esperávamos, principalmente com as bolas laterais, que são um ponto forte nosso. Fica uma lição, mas é até bom porque teremos uma competição a menos para disputar – comentou o volante, logo após a saída do gramado.

Perguntado sobre o assunto, o técnico Muricy Ramalho optou por analisar a competição com outro olhar. Para ele, a Primeira Liga foi boa para observar o time diante de equipes que serão adversárias no Campeonato Brasileiro.

– É claro que estão saturados, eles querem treinar e descansar. Mas é competição importante, enfrentamos times fortes e de primeira divisão. Serve para não se enganar e foi bom para a gente sentir o time – disse.

O Flamengo se reapresenta nesta quinta-feira, às 16h, no Ninho do Urubu, e já inicia a preparação para o jogo com o Volta Redonda, sábado, no Raulino de Oliveira, pela terceira rodada da Taça Guanabara. Muricy seguirá sem poder contar com o volante Cuéllar e o atacante Guerrero, convocados para as seleções colombiana e peruana, respectivamente. Os demais atletas serão reavaliados pela comissão técnica entre quinta e sexta, antes da partida.

Fonte: Lance