Arão diz que Flamengo não pensa no tribunal: ‘Três pontos a menos não vale, vale o campo’

O meio-campo Willian Arão foi o primeiro jogador do Flamengo a dar entrevista depois de o pedido do Fluminense ser aceito e o STJD instaurar processo para julgar a não validação do clássico.

– Esse negócio de três pontos a menos não vale, vale o que a gente fez em campo – disse o volante.

Arão comentou a importância de retornar ao Maracanã.

– Vai ser um momento especial. Em busca do título ainda. Onde a gente vai a torcida apoia. Mas vai ser jogo complicado. Vamos deixar a festa para os torcedores – comentou o jogador.

O time treinou nesta terça-feira visando o jogo contra o Corinthians, no domingo, na volta ao estádio.

Após o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) suspender os pontos e o resultado do último Fla x Flu, os jogadores do Flamengo tiveram uma reunião com a diretoria. O objetivo do encontro, de acordo com o volante Willian Arão, foi de passar tranquilidade aos atletas. O camisa 5 disse que nem sequer viu a tabela de classificação modificada, com o Flamengo mantido na vice-liderança, mas agora com 57 pontos.

– Ainda não vi a tabela, não vi o Flamengo com 57 pontos (risos). Na minha cabeça ainda temos 60 pontos, continuamos quatro atrás do Palmeiras e lutando pelo título. Tivemos uma reunião hoje. Rodrigo (Caetano – diretor executivo de futebol) deixou tudo bem claro para o grupo. Em relação ao STJD, recurso no caso, deixamos para o jurídico falar sobre isso. Temos que nos concentrar no Corinthians, pois não adianta ficar falando sobre isso (possível anulação do clássico) e tropeçar domingo – disse.

Arão já teve a experiência de jogar no Maracanã, palco da partida do próximo domingo, contra o Corinthians. Porém, esta será a primeira vez dele com a camisa rubro-negra no estádio. Ele confia no apoio dos torcedores, mas lembra que eles não têm uma ‘limitação’.

– já joguei contra o Flamengo no Maracanã, eles (torcedores) apoiam muito. Mas eles não entram em campo. Sabemos que a torcida fará o papel dela. Temos que fazer o nosso. Jogar no Maracanã é um sonho de criança, mas temos de nos concentrar na partida, pois é um jogo muito difícil – comentou.

No primeiro turno, o Corinthians goleou o Flamengo por 4 a 0, em São Paulo. Agora, o Rubro-Negro chega como favorito.