Bandeira diz que Felipe Melo está fora da realidade do Fla e que Cuellar fica em 2017

Por motivos diferentes, os nomes de Felipe Melo e Cuellar mexem com o torcedor do Flamengo em meio às negociações do mercado da bola. Nos dois casos, há críticas à direção rubro-negra, e o presidente Eduardo Bandeira de Mello falou sobre os dois casos.

Sobre o volante da Internazionale de Milão, perto do Palmeiras, o dirigente confirmou a informação de Mauro Cezar Pereira, comentarista e blogueiro do ESPN, de que o Flamengo sondou o jogador, mas que seu alto salário está fora da realidade do clube.

“Nos contatos anteriores, ficou praticamente estabelecido que as condições para que pudéssemos trazer para o Flamengo estavam incompatíveis com nossa disponibilidade. Abrimos mão desse projeto, e agora estou vendo na imprensa que outros clubes talvez possam trazê-lo”, disse Bandeira, à “Fox”.

“Talvez esses clubes podem chegar a um investimento que julgamos incompatível. Nada contra o jogador, que consideramos excepcional. E ele da mesma forma, já falou várias vezes que é rubro-negro”, seguiu o presidente, sem citar o Palmeiras.

Sobre Cuellar, que teve pouco espaço com Zé Ricardo em 2016 e tem seu status questionado para a próxima temporada, principalmente, após o anúncio da renovação de Márcio Araújo, o presidente do Flamengo garantiu a permanência do colombiano.

“O Cuellar continua conosco”, disse. “Quem tem que avaliar as oportunidades é o treinador. Um time não precisa ficar restrito a 11 titulares. Tem jogadores que não têm jogado tanto, mas sabemos que, quando tiver que recorrer, vão jogar. Ele está integrado e, quando o Zé precisar, não vai falhar.”

Fonte: ESPN