Marinho pode ter futuro definido hoje

A novela envolvendo o atacante Marinho, que se arrasta desde o final da Série A do Campeonato Brasileiro do ano passado, pode ter seu capítulo final nesta quarta-feira. Uma reunião entre o empresário do jogador, Jorge Machado, e a diretoria do Vitória será realizada na parte da tarde para definir se o principal atleta do Rubro-Negro continua ou deixa a Toca do Leão.

A intenção do Vitória é garantir a permanência do atleta em Salvador. O clube garante que não recebeu nenhuma oferta oficial para a compra de Marinho. Além disso, Sinval Vieira disse repetidas vezes que o Rubro-Negro não aceita negociações. Para levar Marinho, o clube pretendente terá que pagar a multa rescisória em sua totalidade. A multa contratual é de 5 milhões de euros (R$ 17 milhões).

Após chamar atenção na reta final do Brasileiro do ano passado, quando foi o principal responsável por manter o Vitória na Série A, Marinho foi especulado em diversos clubes. Foram pretendentes brasileiros e de fora do país. Entretanto, de acordo com Jorge Machado, o clube que tem a preferência para comprar o atacante é o Flamengo.

A intenção do Rubro-Negro carioca é de comprar 50% dos direitos econômicos do jogador – 30% é do Cruzeiro, 20% da JMB (empresa de Jorge Machado e Bismarck).