Fla reduz dívida em 13% e registra superávit de R$ 153 milhões

Se o Flamengo não conquista título em campo desde abril de 2014, as finanças do clube seguem em alta. Nesta quarta-feira, o clube divulgou seu balanço financeiro, e a dívida global rubro-negra foi reduzida novamente, desta vez em 13%: de R$ 447 milhões para R$ 390 milhões. Tal fato foi comemorado pelo presidente Eduardo Bandeira de Mello em carta anexada ao documento.

– Os números da redução de nossa dívida global, que em 2016 passou de R$ 447 milhões para R$ 390 milhões (queda de 13% em relação a 2015) representam a eficiência de uma administração responsável e nos fazem planejar direcionar mais recursos para todos os esportes praticados pelo Flamengo – celebrou o presidente.

O superávit conquistado no exercício de 2016 também supera o registrado no ano anterior: R$ 153,4 milhões – R$ 23 milhões a mais do que em 2015.

Outro dado positivo é o aumento da arrecadação bruta. O crescimento foi substancial, de R$ 355.6 milhões para R$ 510 milhões – R$ 339,5 mi para R$ 483,4 mi na receita líquida.

Fonte: Globo Esporte